REVISTA REFORMADOR

Edição de Abril/2016          Entrevista com Irvênia Prada

  1. Seriam os animais movidos completamente pelo instinto? R – Não! Hoje sabemos, pela ciência acadêmica, que todos os seres vivos são inteligentes. O biólogo celular Bruce Lipton (“A Biologia da Crença”- 2007) refere textualmente: – Cada célula é um ser inteligente… tem vontade própria e um propósito de vida. No livro “Instrumento Animal. O uso prejudicial de animais no ensino superior” (2008 – InterNICHE interniche.org), escrevi o capítulo “Os Animais são Seres Sencientes”, destacando a inteligência e outros atributos da mente dos animais.  Em “A Gênese”, de Kardec, cap. III. 13, lemos: … O animal carniceiro é impelido pelo instinto a nutrir-se de carne; porém, as precauções que ele toma, as quais variam segundo as circunstâncias… são atos de inteligência. Em “O Livro dos Espíritos”, de Kardec, temos informações importantes no ítem 73 (instinto é uma espécie de inteligência) e no ítem 849 (a faculdade dominante no homem primitivo é o instinto). Qualquer critério que pretenda estabelecer uma linha divisória entre animais e seres humanos é metodologicamente falho.

botao-download